domingo, 24 de outubro de 2010

Shiatsu Infantil






Actualmente, cada vez mais se promove a ausência do toque na relação. Assim que o bebé nasce, diz-se logo “não lhe dês muito colo, senão habitua-lo mal”.
As crianças são colocadas nas espreguiçadeiras ou baby cock durante várias horas, sem o seu precioso colo, aconchego e o tão precioso toque, que está provado que todos os seres humanos necessitam.
Segundo Montagu (1988) “as experiências tácteis desempenham um papel importante no crescimento e desenvolvimento de todos os mamíferos” e “o organismo vivo depende em grande medida, da estimulação do mundo externo para seu crescimento e desenvolvimento”.

O Shiatsu promove um conhecimento dos limites existentes do próprio corpo, dos movimentos e da integração que existe entre pensar e agir. A criança passa a perceber o seu próprio limite e consequentemente reconhecer o limite entre ela e as outras pessoas e o mundo.
As experiências tácteis promovem uma nova e forte consciência do eu e do corpo.

Com um aumento da consciência de si mesmo, surge uma nova consciência dos sentimentos, pensamentos e ideias.
O Shiatsu através do toque possibilita a vivência do afecto, do cuidado consigo mesmo e quanto mais cedo se começar, melhores resultados terá quando atingir a idade adulta.

O Shiatsu infantil contém elementos fundamentais para o desenvolvimento do ser humano, proporcionando um bem-estar bio-fisico-emocional e espiritual, criando tendências positivas no decorrer do seu crescimento, levando à formação de uma personalidade com estrutura e equilibrada.
O Shiatsu é uma terapia corporal que se baseia na MTC, incide nos músculos, estrutura óssea, fascia, canais energéticos (meridianos).

No Shiatsu Infantil, de acordo com o diagnóstico elaborado pelo terapeuta, pode direccionar o tratamento tendo por base os seguintes objectivos/ actividades:

■Promover a relação pais/ filhos: através do ensino aos pais de técnicas de Shiatsu.

■Realizar terapia Shiatsu pelo terapeuta.


Indicações:

■Crianças hipercinéticas/ hiperactivas
■Crianças com dificuldades de concentração
■Depressão, diminuição da ansiedade
■Fortalecimento do Sistema imunitário
■Atingir a calma interior
■Encarar a noite com mais tranquilidade
■Aumento da auto-estima, segurança, entre outros.
■Diminuição das manifestações psicossomáticas.
■Indicações referidas no Shiatsu para adultos

Fonte:
http://www.essencia-vital.pt/index.html

2 comentários:

efilipe disse...

O meu bebé tem pouco mais de mês e meio. Se é mimado? É pois e eu quero que continue assim. Não se trata de querer um filho que um dia vai ter tudo de mão beijada sem se esforçar, mas sim um filho seguro de si mesmo, com a capacidade de ser autónomo na sua vida e, essa autonomia, consegue-se pelo sentimento de segurança que ele agarra agora que ainda é pequenino. Sentir-se seguro é também ter colo, ser amado pelos pais e ter muitos miminhos. Mas também é ter regras.Uma coisa não invalida a outra.

Beijinhos e parabéns pelo post!

Dreamlu disse...

Concordo! Beijinho grande e obrigada pelo comentário.