terça-feira, 19 de agosto de 2008

Ler para bebés: experimente!


Estudos recentes mostram que os bebés recém-nascidos, com apenas alguns dias, são receptivos à leitura. A investigação evidencia também uma associação positiva entre a leitura aos mais novos, logo desde cedo na infância e, mais tarde, um bom desempenho escolar das crianças.

As vantagens são muitas: a leitura cria uma ligação entre os pais e o bebé, promovendo também a aquisição de capacidades linguísticas e de escrita. Os sons e ritmos das histórias contadas e encenadas são importantes e reconfortantes para os bebés.

Através da leitura os mais novos têm acesso a um mundo de experiências, ajudando-os a serem leitores assíduos mais tarde.

Comece nos primeiros dias de vida: uma leitura breve, de apenas alguns minutos, estabelecendo uma rotina diária. O tempo de leitura poderá aumentar em função da maior capacidade de concentração da criança.

E ler onde? Ler quando? Não importa o local, ou a altura do dia: de manhã, à tarde, antes da sesta ou ao anoitecer… no consultório, à espera do pediatra, no jardim mas, sobretudo, em casa. Comente as imagens e, mais tarde, faça perguntas sobre o texto e as ilustrações.

Mesmo quando não existe um livro por perto poderá “improvisar” com a leitura de um excerto de um jornal ou enumerar os itens a lista de compras da semana.

Os livros cartonados com folhas robustas (para que mais novos possam começar uma nova actividade: folhear) poderão ser o ponto de partida para as primeiras histórias; depois, em livros de todas as dimensões e texturas (e alguns até com cheiro) as palavras e frases vão-se tornando mais densas e complexas à medida que aumenta a atenção…

As bibliotecas são um excelente recurso para os pais: nelas encontram não só uma grande variedade de livros, especialmente dedicados aos mais novos, bem como especialistas (os bibliotecários(as)) que os poderão aconselhar. Para além disso, ao longo do ano as bibliotecas organizam várias iniciativas de promoção da leitura, em alguns casos dirigidas em exclusivo a famílias. Também algumas livrarias dispõem de espaços onde os mais novos podem experimentar os livros.

Em casa, num quarto ou na sala, uma pequena biblioteca destinada apenas aos livros infantis poderá começar a ser construída mesmo antes do nascimento do bebé. Experimente, comunique e partilhe emoções através da leitura… aos bebés!



retirado daqui


4 comentários:

MONICA disse...

Bom dia, Dreamlu! Muito interesante teu post.Gostei muito de tudo o que leo aqui.
beijinhos :)

Drizita disse...

Também gostei muito deste artig.

Só acho é que não é preciso ser um livr infantil...uma revista, um jornal... sejam imagens reais (de preferência) ou não proporcionam o desenvolvimento das crianças desde a mais tenra idade... literatura e boa música nunca fizeram mal a ninguém!

jocas

Dri do http://dri_educ.blog.com/

Visita!

flor disse...

Porque além de tudo o que já foi dito, quando lemos para os nossos filhos, são sempre momentos muito intimos, porque ele nos olha, escuta e participa, fortalecemos laços...

No blog milagre de vida tem um video muito interessante que aborda também ese assunto.
http://csfeira.blogspot.com/2008/05/aprender-brincar.html

Nexita disse...

Selinho para ti querida :)