sexta-feira, 21 de maio de 2010

Que piada infeliz...



Recebi no meu e-mail a seguinte mensagem de uma colega e senti-me na obrigação de postar o sucedido, pois tal como a colega em questão, fiquei profundamente indignada.




Colegas

Enviei o seguinte mail à editora Civilização que nos insulta num livro de anedotas para crianças.

Espero que se indignem e mandem muitos mais mails a esta editora para que
não continuem a gozar connosco.


Ex.mos Senhores


Esqueceram-se de que os professores são as
pessoas que mais compram livros neste país e que fazem com que os outros os comprem.

Uma editora que se chama "Civilização" e que
trata assim os professores de um país não pode continuar a ser digna da minha preferência.

Num país onde a falta de autoridade dos professores é cada vez maior, em vez de termos as editoras do nosso lado no combate à iliteracia e desenvolvendo a civilização do povo, assistimos a este lamentável enxovalho.

Nunca mais comprarei livros da vossa editora e
vou divulgar por todos os meus contactos, este mail, para que saibam da minha indignação.

A professora


**************


Anedota do Livro





Eu já mandei um mail a exprimir a minha revolta. Para quem quiser:


info@civilizacao.pt

6 comentários:

Tia Verinha disse...

Que piada de mau gosto! E depois... "a culpa é sempre dos professores!""
Beijinhos e milsorrisoscoloridos

Dedinhos Lambuzados disse...

Que coisa mais sem sentido !!! Além de grosseiros são...burros ! Realmente não dá pra comprar ou indicar livros desta editora ( que por piada chama-se "civilização "...).
Tomara que caiam em si e avaliem o que fizeram e se retifiquem, desculpando-se também, claro !
Bjs, Mammy

Montardo disse...

Realmente é um absurdo que precisa ser denunciado. Você tem o nome do livro?

Maria da Luz Borges disse...

Tens toda a razão. Vou ser mais uma a enviar o email.
Luz

Mamã do Príncipe Pipoca disse...

Olha que realmente!!! Isto está tudo doido, eu não sou professora, mas chamar "vaca" à professora não tem piadinha nenhuma, nem tão pouco gostava que o meu filho tivesse acesso a uma coisa dessas...

Clara disse...

Eu mesma já enviei um e-mail igual a mostrar a minha indignação!

Obrigada colega por nos alertar!